Veja como tirar CNPJ para sacoleiras

A função de sacoleira é muito mais antiga do que se imagina. Há muito tempo, mulheres (e homens também) tinham o hábito de apresentar as novidades e vender os produtos de porta em porta. As consumidoras, por sua vez, se acostumaram a receber esses vendedores no conforto do seu lar, sem precisar se locomover grandes distâncias para fazer suas compras.

Mesmo com características de uma profissão do passado, a conveniência do serviço fez com que ele resistisse ao tempo. Confirmando a importância da atividade, a clientela, sempre fiel, continua realizando as suas aquisições através desses profissionais.

Profissionalização das sacoleiras

De modo a dar cada vez mais credibilidade a este segmento, a Receita permite registrar o CNPJ para sacoleiras. A emissão deste documento é muito importante, pois com ele, as profissionais podem realizar negócios cada vez maiores e mais seguros. Se você tem interesse em obter o registro, veja o que é necessário fazer.

Passo a passo para tirar o CNPJ

tirar-cnpj-sacoleiras

Para as sacoleiras que possuem renda bruta de até R$ 60 mil por ano, fazer a inscrição no MEI (Microempreendor Individual) é a maneira mais rápida e barata para conseguir ter um CNPJ. Para isso basta fazer o seguinte procedimento:

1. Acesse o Portal do Empreendedor através do endereço www.portaldoempreendedor.gov.br/mei-microempreendedor-individual/como-se-inscrever.

2. Clique na opção “Quero me formalizar”.

tirar-cnpj-mei-formalizar

3. Digite seu CPF e data de nascimento; em seguida, clique em “Prosseguir”;

tirar-cnpj-mei-nova-inscricao

4. Em seguida você deve preencher o número do recibo do Imposto de Renda, que é composto por 10 dígitos. Preencha também os caracteres de segurança e clique em “Prosseguir”.

inscricao-cnpj-sacoleiras

5. Agora você precisa preencher todos os campos necessários, como razão social, nome fantasia, capital social, entre outras informações.

6. Agora você precisa escolher o CNAE, que é correspondente à sua área de atuação. A Receita permite ter um CNAE Primário e outros dois CNAES Secundários. A numeração está organizada em uma lista dentro do próprio campo de cadastro. Caso queria checar essa lista antes de se registrar, acesse a opção “Atividades Permitidas” clicando aqui.

7. Finalizando o preenchimento, seja gerado o número do seu CNPJ. Após fazer o registro, a sacoleira deverá fazer as contribuições mensais através do Documento de Arrecadação Simplificada do MEI (DAS-MEI). Para imprimir o boleto, clique aqui. Os valores são referentes aos seguintes tributos:

  • R$ 44,00 para a Previdência Social
  • R$ 1,00 para o Estado
  • R$ 5,00 para os municípios.

O pagamento do DAS pode ser feito em qualquer agência bancária.

Vantagens

Entre as principais vantagens em ter o seu próprio CNPJ está a possibilidade de fazer compras como pessoa jurídica. Dessa maneira, além das feiras a que são acostumadas a comprar, as sacoleiras terão acesso a outros locais e poderão comprar como lojistas, inclusive aproveitando eventuais descontos.

Além disso, para os interessados, também é possível conseguir uma linha de crédito de até R$ 12 mil pelo Programa de Microcrédito do Governo Federal. Todos esses incentivos ajudam aqueles que desejam abrir o seu próprio negócio, ou até mesmo que desejam regularizar uma atividade que já estejam exercendo, mas de maneira mais segura e com diversos benefícios.

Custos com contabilidade

Outra preocupação para a sacoleira que decide tirar o CNPJ é a questão de precisar pagar um contador mensalmente. Neste caso, os serviços de contabilidade podem ser dispensados. A própria empreendedora poderá emitir o seu carnê de pagamento diretamente no site do MEI, sem a necessidade consultar terceiros. Além disso, o Sebrae também disponibiliza suporte especializado e gratuito para quem precisar de ajuda.

Notas fiscais

Vale lembrar que, ao emitir qualquer nota, o Microempreendedor Individual está isento de qualquer tributo sobre ela. O importante é declarar os ganhos anualmente através de uma declaração anual presente no Portal do Empreendor.

Essas foram as informações para emitir o CNPJ de sacoleira. Se elas foram úteis para você, compartilhe com seus amigos no Facebook ou clique no botão “Curtir”. E caso tenha alguma dúvida, escreva a sua pergunta na seção de comentários.

5 respostas para Veja como tirar CNPJ para sacoleiras

Postar um comentário