Diferenças entre empresas Eireli, MEI e EI

Você sabe quais são as diferenças entre empresas Eireli, MEI e EI? Ainda não?

Então o que está esperando para ficar por dentro desse assunto? Mesmo que você não seja um empresário, pode ser que em breve apareça uma oportunidade. E, dessa forma, já terá em mente qual a melhor opção para escolher.

Ao todo, há três grandes opções de abrir empresas sem sócios: Eireli, MEI e EI. Sendo assim, entender como funciona cada uma delas é fundamental antes de abrir um negócio e começar as atividades.

Afinal de contas, todo um planejamento é necessário antes de tomar uma decisão tão importante, não é mesmo?

Portanto, continue a leitura do artigo e veja quais são as diferenças entre empresas Eireli, MEI e EI. Tenha uma boa leitura!

Diferenças entre empresas Eireli, MEI e EI


Características das empresas Eireli, MEI e EI

A seguir você verá quais são as diferenças entre empresas Eireli, MEI e EI. Preste bastante atenção a fim de fazer a escolha certa quando necessário!

Não se esqueça de que, ao contrário do que muitos pensam, existem sim diferenças importantes entre esses três tipos de empresas, por isso é realmente fundamental conhecer mais a fundo cada uma delas.

Empresa Eireli

Para começar, a Empresa Individual de Responsabilidade Limitada, mais conhecida como Eireli, é uma opção Societária. No entanto, como esse tipo de empresa é capaz de responder somente a respeito do valor do capital social da empresa, ou seja, de maneira de limitada, ele acaba oferecendo uma certa autonomia da pessoa jurídica e da pessoa física.

A grande questão é que para abrir uma Eireli, é necessário ter um capital social de, no mínimo, 100 vezes maior do que o valor do salário mínimo. Sendo assim, é importante analisar bastante antes de fazer qualquer escolha.

O erro de muitos empresários hoje em dia é que eles estão escolhendo começar uma Eireli pelo simples fato de ser algo vantajoso. Entretanto, grande parte deles está fazendo isso sem possuir todo o capital social que é exigido.

Dessa forma, esses empresários acabam descumprindo uma regra bastante importante e, consequentemente, no caso de débitos, é possível que eles tenham o tipo Societário descaracterizado.

De forma resumida então, a Empresa Individual de Responsabilidade Limitada, corresponde a uma empresa na qual apenas uma pessoa detém 100% do capital, o qual não deve ser menos do que o valor de 100 salários mínimos.

Além disso, esse modelo de empresa ressalta que somente o patrimônio social da empresa está comprometido em caso de dívidas, o que protege todos os bens pessoais.

Empresa MEI

Para continuar entendendo quais são as diferenças entre empresas Eireli, MEI e EI, chegou a hora de entender um pouco mais sobre o MEI.

Essa sigla foi criada para designar um Microempreendedor Individual, ou seja, uma empresa de uma única pessoa.

O MEI foi criado, principalmente, com o objetivo de formalizar e legalizar as pessoas que hoje trabalham como autônomos, ou seja, por conta própria.

Esse tipo de empresa começou por meio de uma Lei Complementar, a de número 123/2006, e foi alterado pela número 155/2016.

No máximo, um Microempreendedor Individual pode ter um funcionário e não pode ter nenhum sócio.

Além disso, outra coisa importante a ser ressaltada é que a receita bruta anual desse tipo de empresa deve ser de, no máximo, R$ 81 mil.

O MEI é enquadrado no Simples Nacional e não precisa pagar nenhum tributo federal, ou seja, PIS, IPI, Imposto de Renda, CSLL e Cofins.

A única coisa que é necessária é o pagamento de um valor fixo por mês, o qual gira em torno de R$ 50 ou R$ 60, e é destinado ao ISS ou ICMS ou à Previdência Social.

Tendo como base o salário mínimo, esse valor é atualizado todo ano.

Empresa EI

Para finalizar e conseguir realmente entender quais são as diferenças entre empresas Eireli, MEI e EI, chegou a hora de falar sobre o Empresário Individual, também conhecido como EI.

Ao contrário do que muitas pessoas imaginam, o EI não é a mesma coisa que o MEI. As principais diferenças se concentram no faturamento anual, no número de obrigações acessórias e na restrição de atividades.

O faturamento máximo de um Empresário Individual depende de algumas circunstâncias. Por exemplo, se for uma Micro Empresa (ME), o valor pode ser de até R$ 360 mil. Por sua vez, se for uma Empresa de Pequeno Porte (EPP), o valor do faturamento pode chegar até R$ 3,6 milhões.

Sendo assim, como você observou, existem algumas diferenças importantes entre Eireli, MEI e EI. Por isso que é tão importante ter em mente quais são elas antes de tomar qualquer tipo de decisão relacionado a esse assunto.


Qual tipo de empresa escolher?

Essa resposta vai depender apenas de você. Ou seja, ela está diretamente relacionada aos seus objetivos com a empresa e ao faturamento que você pretende ter por ano também. Além disso, o seu capital social também vai influenciar nesse processo.

Por exemplo, se você está apenas começando, a sua melhor opção pode ser criar um MEI, ou seja, tornar-se um Microempreendedor Individual.

Com o passar do tempo, se o seu negócio e, consequentemente, seu faturamento aumentar, não existe nenhum problema em mudar para outro tipo!

O que realmente importa é seguir todas as regras e se formalizar da forma correta. Caso contrário, seus prejuízos podem ser muitos. E com certeza você não quer isso, certo?

Portanto, analise tudo a respeito da sua mais nova empresa e só depois disso comece a pensar em qual tipo de empresa você deve abrir para legalizar o seu negócio.

Diferenças entre empresas Eireli, MEI e EI


Conclusão

Dessa forma, agora que você já sabe quais são as diferenças entre empresas Eireli, MEI e EI, basta analisar o seu caso em específico e ver qual das opções melhor se encaixa.

Mesmo que você não esteja pretendendo começar uma empresa nesse momento, nunca é demais conhecer essas informações, não é mesmo? Afinal, se um dia precisar já vai saber tudo o que precisa.

As informações foram úteis? Deixe a sua opinião!

Postar um comentário